Interesse GeralspaceParticipantesspacePequisadoresspace
 
 

Reportagem destaca produção de indicadores nacionais no ELSA



A participação do ELSA-Brasil na definição de novos parâmetros de saúde para o adulto brasileiro é tema da reportagem “Made In Brazil”, do Boletim UFMG. A matéria fala sobre os novos dados de predição de risco produzidos no ELSA, como a espessura da camada média-intimal da artéria carótida, um indicador de aterosclerose. Até então, os dados disponíveis para definição de valores que dão base aos exames clínicos e laboratoriais brasileiros são oriundos de estudos estrangeiros.

Hipertensão arterial, diabetes, enxaqueca, aterosclerose e osteoartrite são algumas das enfermidades cujos diagnóstico e/ou tratamento podem ser alterados a partir dos aspectos investigados pelo ELSA. Para essa investigação, o estudo precisa de uma ampla base de dados dos seus mais de 15 mil participantes nos seis centros de investigação.

Confira a matéria completa aqui.

Voltar    Topo

Veja matérias anteriores